Tipos de insônia

Você que tem dormido pouco, sabe quais são os tipos de insônia?

Tipos de Insônia
Tipos de Insônia

A insônia é um distúrbio do sono definido pela incapacidade de adormecer ou de permanecer dormindo durante a noite.

Insônia é uma dessincronização do seu ritmo circadiano e pode se tornar um problema sério.

As causas comuns são estresse, ansiedade, uso de álcool ou drogas, doenças como diabetes e alguns medicamentos.

É provável que você sofra com a insônia à medida que você fica mais velho.

Os indícios de insônia leve podem incluir acordar durante a noite ou lutar para adormecer por uma hora ou mais depois de ir para a cama.

A insônia severa pode resultar em incapacidade total de dormir à noite e fadiga extrema, ou hipersonia, durante o dia.

Caso você precise temos um bom artigo como combater a insonia

Leia mais: 23 dicas para combater a insônia.



Saiba agora os tipos de insônia.

De acordo com Sleep Foundation, existem 7 tipos e vamos listar

  • 1-Insônia Aguda
  • 2- Insônia Cronica
  • 3- Insônia no início do sono
  • 4- Insônia de manutenção do sono
  • 5- Insônia ao despertar pela manhã
  • 6- Insônia mista
  • 7- Insônia comórbida

Insônia Aguda

Um episódio de dificuldade para dormir que dura até 3 meses.

Neste estágio a insônia costuma estar relacionada a um evento externo de estresse na vida da pessoa e por isso é comum uma relação de causa-efeito.

Uma vez que o evento externo de maior excitação, preocupação ou estresse é aliviado, desse modo o sono melhora.

Pode durar de uma a três semanas.

A frequência está associada a fatores estressantes mais sérios, como perdas pessoais agudas, traumas emocionais, problemas prolongados no trabalho/família ou doenças graves



Insônia Crônica

A dificuldade para dormir permanece por tempo maior, e não está necessariamente associada ao evento externo que o originou.

Uma forma de identificar quando a insônia começa a ser crônica, é quando existe um ciclo vicioso que parece desenvolver uma “vida própria”. por consequência são meses de noites mal dormidas.

A insônia crônica é aquela que ocorre pelo menos três vezes por semana por no mínimo três meses. De acordo com um estudo do Instituto do Sono,

15% da população adulta geral de São Paulo apresenta insônia crônica.

Insônia no início do sono ou Insônia Inicial, o tipo de insônia mais comum

A insônia inicial, isto é, a pessoa custa a pegar no sono quando se deita, está mais relacionada ao estresse e à ansiedade.

Quando a pessoa tem dificuldade em pegar no sono no início da noite.

A maioria das pessoas com problemas para adormecer não consegue dormir.

Mesmo depois de passar 20-30 minutos na cama.

Insônia de manutenção:

A insônia de manutenção do sono está relacionada a incapacidade de permanecer dormindo durante a noite.

 Na maioria das vezes, isso significa acordar pelo menos uma vez durante a noite e lutar para voltar a dormir por pelo menos 20-30 minutos.

O sono fragmentado associado à má manutenção do sono significa uma diminuição na quantidade e qualidade do sono, por consequência criando maiores chances de sonolência diurna ou lentidão



Diferentes tipos de insônia

Despertar pela manhã ou Insônia precoce

A insônia ao acordar de manhã cedo envolve acordar bem antes que a pessoa queira ou planeje acordar pela manhã.

Alguns especialistas veem isso como um componente da manutenção do sono, enquanto outros o consideram separadamente.

A incapacidade de dormir a quantidade desejada pode prejudicar a função física e mental de uma pessoa no dia seguinte.

Insônia Mista

Embora não seja um termo formal como dito anteriormente.

A insônia mista pode ser considerado para pessoas que apresentam uma combinação de problemas relacionados ao início do sono, manutenção do sono e despertar de manhã cedo.

Em geral, o termo insônia mais amplo pode ser considerado como uma descrição de insônia mista, porque é comum as pessoas terem problemas de sono sobrepostos.

 Além disso, as pessoas com insônia costumam descobrir que seus sintomas podem mudar com o tempo, tornando difícil classificar a insônia estritamente entre os subtipos:

  • de início
  • manutenção
  • despertar de manhã cedo.

Insônia Comórbida:

 Quando está acompanhada de outra condição, seja de natureza psiquiátrica ou seja;

Ansiedade e depressão.

Ou outras condições médicas, como artrite, menopausa.

Conclusão dos tipos de insônia

Existem outros subtipos de insônia e entender qual delas se encaixa em suas noites de sono é uma forma de combater.

Faça a higiene do sono.

Exercite-se.

E procure por atendimento especializado, dormir bem é o propósito do nosso site e queremos ajudar.

Portanto caso precise de ajuda deixe um comentário.

A dica valiosa para quem sofre de insônia é procurar ajuda especializada e a nossa indicação inicial é o app da Vigilantes do sono.



Você vai gostar também:

Melatonina mitos e verdades

Tudo sobre higiene do sono

Sobre o autor Marcelo | Website

Marcelo Katayama fundador do site. Atua como consultor de marketing digital para pequenas empresas de forma autônoma e atua com marketing de afiliados. Atualmente é o maior blogueiro imparcial de colchões do Brasil, com mais de 30 mil visitantes únicos por Mês (SEMRUSH E GA) Trabalhou 10 anos no mercado de colchões como vendedor, gerente comercial de lojas e analista de marketing. Atuou em agências como FBS Midia e Grupo RBS como executivo de contas e foi Gerente de Relações Públicas no Grupo Colombiano JOM. Formado em análise de sistemas pela FATEC-SP com especialização em Google Ads Expert Search pela Goobec Brasil

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário